A dúvida de muitos pais é como agir com criança fazendo birra. Primeiramente, gostaríamos de deixar claro que a birra não é uma atitude da criança para irritar ou testar a paciência dos pais. É a expressão máxima de descontrole da criança diante de uma situação de raiva ou frustração. Ajuda-la a reconhecer suas emoções e nomina-las é o primeiro passo para seu autoconhecimento o que lhe permitirá um melhor autocontrole e autorregulação do que sente.

Como agir com a criança fazendo birra

Imagine você no supermercado. A criança insiste que quer algo, mas você, pelo motivo que seja, define que não é o momento adequado para comprar o que deseja. Diante da negativa, a criança pode se sentir frustrada e, dependendo de como seja conduzida, pode desencadear uma birra tremenda. Sabe aquelas cenas de criança jogada no chão, esperneando, gritando e se contorcendo no chão? Então, assim mesmo! Aquela cena que nos coloca no foco de mira de todos os demais presentes no supermercado, que nos mata de vergonha, que nos deixa com vontade de sair correndo…

O que posso lhe dizer é que as birras são inevitáveis, mas podem ser, paulatinamente, reduzidas quando você tem em conta agir com a criança desde o respeito e a amabilidade. A próxima vez que sua filha tenha uma birra, coloque-se do seu lado e comunique-lhe que está a seu lado acompanhando-a e esperará com paciência a que se acalme. Se é necessário, contenha a birra com um forte abraço e espere a que passe. Nesse momento, a criança não consegue ter atenção ao que você diz. Logo, gritar e discutir não é a melhor opção.

Tenha em conta, diante de uma situação de birra da criança, evitar:

  • Perder o controle com gritos. Evite: “Comporte-se! Você é um malcriado! Cale a boca!
  • Chorar com eles. Evite: “Por que você não me obedece? Acabo chorando e fico triste.
  • Mostrar preocupação. Evite: “Já não sei o que fazer com você.

Tenho um post bem interessante sobre como controlamos a birra da pequena de casa. Sempre funcionou e raramente passamos por situações extremas.

Técnica da respiração para conter a birra de criança de 2 anos

O que fazer para reduzir situações de birra?

Então, podemos reduzir a frequência de situações que desencadeiam a birra quando tomamos algumas precauções.

  • Estabeleça as regras claras e respeite-as. Vamos ao supermercado comprar banana, maçã e pera. Hoje não tenho dinheiro para mais coisas. Logo, ainda que você deseje muito alguma outra coisa, mamãe não pode lhe comprar. Ao antecipar o que vai acontecer, a criança sabe o que a espera. Isso evita surpresas.
  • Explique de acordo com a idade da criança. Dizer com clareza o que pode e o que não. Essa é uma forma de evitar que se desencadeie uma birra. Especialmente, se as regras são cumpridas entre todos os membros familiares.
  • Atue assertivamente.

Então, como é aí na sua casa? Conte para a gente nos comentários.


Gostou desta publicação do educlub?

💬  Deixe seu comentário ↓

↪️  Compartilhe com seus amigos.

1 Comentário

Deixe Uma Resposta